Sobre a casinha no meio do mato

Várias pessoas me perguntando sobre o nosso pequeno paraíso perdido à beira da represa Guarapiranga, na zona sul da cidade. Então vou tentar contar um pouco pra vocês onde é, como é, etc.

Já moramos aqui há cerca de 12 anos. O bairro chama-se Parelheiros e, embora imenso (um dos maiores da cidade), é pouco habitado e, infelizmente, muito pobre. Um dos IDHs mais baixos da cidade de São Paulo, também. Mas, em meio a ocupações e vilas sem saneamento básico, há muitos sítios, chácaras e condomínios. Vivemos em um desses condomínios, o Jardim das Palmeiras, com muito verde e poucas casas.

O Fabio Penna, há tempo já, criou (eu acho que até sem querer, rs) um perfil da nossa casinha no Foursquare e o chamou de “Paraíso do Cabral”. Desde então, tenho marcado a localização em algumas postagens e até me assustei há pouco, quando fui dar uma olhadela lá, está cheio de publicações. Clique aqui para ver.

Tem muita coisa boa por aqui: qualidade de vida excelente e, no nosso caso e sem humanos por perto, muitos, muitos bichos. Preguiça, saguis, lagartos, esquilos, quatis, tatus, porcos espinho, além de uma infinidade de pássaros.

Nossa casa fica ao lado do Solo Salagrado, templo da igreja Messiânica, um lugar deslumbrante. E, a menos de 100 metros de casa, temos um rio enorme e o pôr do sol mais lindo da cidade.

No bairro, todo rodeado pela Mata Atlântica, temos muitos rios e várias cachoeiras. Existem muitas trilhas e passeios pelo meio do mato que eu, Chico e Cacilda percorremos diariamente.

As desvantagens: da praça Roosevelt até aqui, de transporte público, demora cerca de duas horas. De carro, depende. Se for na hora do rush pode levar até três horas, :-(( No contra-fluxo, em média, uma hora.

Ainda dentro das desvantagens: o hospital mais próximo está a cerca de 45 minutos de casa; supermercado, 20 minutos. Mas temos a Elaine que faz comidas e os doces mais deliciosos e entrega em casa; a Fatima que deixa nossos pãezinhos na porta da cozinha todos os dias, de manhãzinha. Como estamos ao lado do Terceiro Lago, um grande condomínio aqui perto, temos tudo o que vocês possam imaginar: de comida japonesa e pizzaria, até massagistas e barbearia.

Várias pessoas também têm me perguntado sobre casas para comprar ou alugar por aqui. Sim, existem várias e acho que os preços são relativamente baratos. Peguei alguns telefones de imobiliárias que alugam ou vendem imóveis, caso alguém se interesse: 11 96299 9995/Fernando; ou Aladim Imóveis < 11 96279 8019 >. Importante: não conheço este Fernando, corretor, tampouco esta imobiliária. Peguei estes contatos das placas que eles fixam em frente aos imóveis.
Ator, roteirista e cineasta. Co-fundador da Cia. Os Satyros e diretor executivo da SP Escola de Teatro.
Post criado 990

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo