“INFERNO NA PAISAGEM BELGA” ESTREIA NO RIO DE JANEIRO

A peça reflete influências artísticas de nomes como The Doors, Joy Division e Bauhaus, além de performances de Marina Abramovic (foto; Andre Stéfano)

A peça foi desenvolvida a partir da filosofia de Descartes sobre a paixão. O texto mergulha nas obras dos autores franceses Paul Verlaine e Arthur Rimbaud para buscar uma relação com a sensibilidade contemporânea.

“Inferno na Paisagem Belga” também se debruça sobre os conceitos do Teatro Veloz, que vêm sendo desenvolvidos pelo grupo Os Satyros. E reflete influências artísticas de nomes como The Doors, Joy Division e Bauhaus, além de performances de Marina Abramovic.

Ficha técnica:
Direção: Rodolfo García Vázquez
Assistente de direção: Óscar Silva
Atores-criadores: Ivam Cabral, Henrique Mello, Robson Catalunha e Tiago Capela Zanotta
Roteiro: Rodolfo García Vázquez
Sonoplastia: Diego Mazzuti
Iluminação: Flávio Duarte
Cenários: Rodolfo García Vázquez
Intervenções em vídeo: Henrique Mello
Cenotécnica: Carlos Orelha e Tiago Capela Zanotta

Serviço:
Dias: De 1 de agosto a 4 de agosto de 2013
Horário: 19:00 às 20:00
Local: Teatro Glauce Rocha – Av. Rio Branco, 179 (próximo à Estação Carioca do Metrô)
Ingressos: R$ 20 (inteira) – R$ 10 (estudantes, classe artística e maiores de 60 anos)
Informações ao público: (21) 2220-0259
Até 11 de agosto

Ator, roteirista e cineasta. Co-fundador da Cia. Os Satyros e diretor executivo da SP Escola de Teatro.
Post criado 768

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo